O que declarar no Imposto de Renda?

Na hora de declarar seu imposto de renda você precisa informar tudo o que ganhou ou pagou no anterior.

É necessário declarar os ganhos referentes à aluguéis, venda de bens, despesas com construções e reformas em imóveis. Caso tenha alguma fonte alternativa de renda, está também deve ser listada.

Além disso, é preciso informar todos os bens e direitos que faziam parte de seu patrimônio até 31 de dezembro do ano passado.

Nessa categoria, entram veículos e imóveis (independente do valor), além de bens móveis (como joias ou quadros com valor acima de R$ 5 mil), que também precisam ser declarados.

Mesmo ganhos isentos de IR, como resgate do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), recebimento de herança e rendimentos de ações judiciais devem ser. O mesmo vale para investimentos com isenção de IR, como Caderneta de Poupança.

Um ponto importante: quem declara dependentes precisa informar qualquer rendimento por parte deles. Por exemplo: se o filho é estagiário em uma empresa, o pai ou a mãe deve informar os rendimentos dele na sua declaração.

Como declarar uma compra financiada?

Se você financiou um carro ou imóvel é necessário informar o financiamento na hora de declarar o Imposto de Renda, na ficha “Bens e Direitos”. Neste caso você não deve declarar o preço total da compra, você deve declarar apenas o valor efetivamente pago com as prestações do financiamento até o dia 31 de dezembro do ano anterior.

Na coluna “Situação em (data do ano anterior)”, informe o valor total pago até então (incluindo a entrada e as parcelas já pagas), mesmo que você esteja declarando o bem pela primeira vez.

No campo “Discriminação”, declare que o veículo ou imóvel foi financiado.
No caso do veículo, você deverá informar os seguintes dados: modelo, ano, valor total do carro, CNPJ ou CPF do vendedor, valor da entrada (se tiver sido paga no ano anterior), quantidade total de parcelas e número de prestações pagas até o último dia do ano anterior.

Não é necessário informar nenhum valor na ficha “Dívidas e Ônus Reais” da declaração. Ainda assim, se você informar o saldo devedor neste campo, fique tranquilo porque isso não o fará cair na malha fina.

Fonte: Serasa Experian


Não deixe de ter a sua proteção digital e eletrônica, utilize sempre um certificado digital!

Adquira o seu Certificado Digital AGORA MESMO aqui na Via Certificado Digital.

Escolha abaixo o tipo e opção mais adequada a sua necessidade e utilidade.

Para Pessoas Físicas e Profissionais Liberais
e-CPF: para Pessoas Físicas.
e-Saúde: para Médico(a)s, Enfermeiro(a)s, Hospitais e Clínicas Médicas.
e-Jurídico: para Advogado(a)s e Escritórios de Advocacia.
e-Contador: para Contadore(a)s e Escritórios de Contabilidade.

Compre o seu certificado digital e-CPF agora!Compre o seu certificado digital e-Saúde agora!Compre o seu certificado digital e-Jurídico agora!Compre o seu certificado digital e-Contador agora!

Para Pessoas Jurídicas e Empresas
e-CNPJ: para Pessoas Jurídicas.
NF-e: para Nota Fiscal Eletrônica.
e-Simples: para Empresas optantes do Simples Nacional.
e-MEI: para Microempreendedores Individuais.

Compre o seu certificado digital e-CNPJ agora!Compre o seu certificado digital NF-e agora!Compre o seu certificado digital e-Simples agora!Compre o seu certificado digital e-MEI agora!

Os Certificado Digitais possuem validades de 12 meses, 24 meses ou 36 meses. E você pode optar pelo modelo Sem Mídia, que é utilizado direto no computador ou notebook através de um arquivo, ou através de mídias como Cartão ou Token/USB.

Todos os certificados são emitidos pela Serasa Experian.


VOCÊ AINDA NÃO TEM UM CERTIFICADO DIGITAL? QUER SABER COMO O TER O SEU?

COMO COMPRAR

1. Compra
Escolha o melhor tipo de Certificado Digital pra você e que atenda a sua necessidade e utilidade, informe seus dados e efetue o pagamento.

2. Desconto
IMPORTANTE: Antes de finalizar o pagamento verifique se o CUPOM DE DESCONTO CREDI15604 está aplicado a sua compra. Caso não esteja é só informar o código CREDI15604 e APLICAR que o desconto de 10% será concedido em seu certificado digital com SUCESSO!

3. Emissão
Nessa etapa você deverá ir presencialmente em um posto de atendimento.
Para isso, você receberá um email para agendar o melhor local, dia e horário.
Você deverá apresentar a documentação necessária. Veja aqui quais são.

4. Instalação
Após a validação presencial, aguarde 24h úteis e realize a instalação de seu Certificado Digital.

Pronto! Seu Certificado Digital estará disponível para uso.

Se não encontrar a informação que precisa ou se ainda tiver dúvidas, então fique a vontade para nos perguntar em nosso formulário de CONTATO.

Deixe um comentário